PRERROGATIVAS, UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA!

MATO GROSSO

Curso - Detalhes | mais cursos

PALESTRA: DIREITO DE FAMÍLIA E SEUS ASPECTOS POLÊMICOS

Inscreva-se (Ir para autenticação)

Total de Vagas: 95
Data Limite de Inscrição: 24/07/2019
Carga Horária: 4h
Datas de Realização: 25 de julho - Horário: das 18h00 às 22h00
Município: CUIABÁ
Local: AUDITÓRIO DA ESA/MT
Preço por Perfil:
  • Advogado(a) Regular: R$ 20
  • Estagiário: R$ 20
  • Estudante: R$ 20
  • Jovem Advocacia Regular: R$ 20
  • Público Geral: R$ 20

Facebook Facebook Messenger Google+ LinkedIn Telegram Twitter WhatsApp

Descrição:

PALESTRA: DIREITO DE FAMÍLIA E SEUS ASPECTOS POLÊMICOS

Objetivo:

O presente curso tem o objetivo de contextualizar o operador do Direito com a atualidade do Direito de família. A mudança de paradigmas sociais, e a amplitude do conceito de família, agora baseado no afeto, traduz uma realidade que precisa ser abordada e pormenorizada. As consequências jurídícas de tal mudança refletem em diversos aspectos, seja no campo sucessório, seja no campo registral, impactando diretamente na vida do Operador do Direito, impondo a necessidade de constante atualização e aperfeiçoamento.

Expositora:

Dra - Érika Rubião Lucchesi - Oficial Registradora (Cartorária) Possui graduação em Direito pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP (1999), mestrado pela UNAERP (2008). Área de concentração: Processo Civil Coletivo, Especialização em Direito Tributário pelo IBET Ribeirão Preto/SP (2012), Especializanda pela USP DIREITO - Ribeirão Preto/SP = Processo Civil (2013). Especialista pela ESPM Gestão Estratégicas de Serventias Extrajudiciais, São Paulo/SP (2012). Professora universitária nos Cursos de Direito da Universidade de Ribeirão Preto UNAERP, do Centro Universitário de Barretos UNIFEB, das Faculdades Francisco Maeda FAFRAM- Ituverava/SP. Coordenadora da Pós-Graduação em Direito Civil e Processo Civil do grupo ATAME.

Programação:

1- Afeto como formador de vínculos - socioafetividade - seu reconhecimento e consequências jurídicas;

2 - Multiparentabilidade;

3 - Possibilidade de alteração do nome do trans diretamente em cartório;

4 - Poliafetividade ou poliamor - reconhecimento e consequências jurídicas.

Sobre o autor do curso:

Coordenação:

ATAME - Assessoria, Consultoria, Planejamento, Cursos e Pós-graduação Ltda-EPP



Voltar para pesquisa