PRERROGATIVAS, UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA!

MATO GROSSO

Newsletter


Ir para opção de Cancelamento

Agenda de Eventos

Maio de 2022 | Ver mais
D S T Q Q S S
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31 # # # #

Notícia | mais notícias

Evento gratuito debaterá impacto do abandono de imóveis ao meio urbano e legislação sobre o tema

02/05/2022 16:00 | DIREITO IMOBILIÁRIO E URBANÍSTICO
Foto da Notícia: Evento gratuito debaterá impacto do abandono de imóveis ao meio urbano e legislação sobre o tema

imgA Escola Superior da Advocacia (ESA-MT) e a Comissão de Direito Imobiliário e Urbanístico da OAB-MT promovem no dia 12 de maio, a partir das 10h, o curso on-line “Abandono de imóveis e arrecadação de imóveis abandonados pelo município”. A atividade é gratuita e será realizada pela plataforma Zoom, com transmissão ao vivo pelo canal da ESA-MT no YouTube.

A palestra será ministrada pela Procuradora especializada de assuntos fundiários, ambientais e urbanísticos do município de Cuiabá e mestre em Direito Agroambiental, Patrícia Cavalcanti Albuquerque, e tem o objetivo de analisar os impactos e consequências do abandono de imóveis para o meio ambiente urbano e a políticas públicas do município acerca do tema.

Além disso, o evento visa debater possíveis soluções para os conflitos envolvidos e os procedimentos administrativo para sua realização considerando a nova legislação Federal referente a Regularização Fundiária Urbana (REURB) - Lei federal 13465/2017 e Decreto 9310/2018.

“A nova lei trouxe a arrecadação de imóveis abandonados como um de seus instrumentos, prevendo a destinação deles a programas habitacionais, prestação de serviços públicos e a figura da Reurb de interesse social ou concessão de direito real de uso a entidades civis com fins filantrópicos, assistenciais, educativos, esportivos, dentre outros”, comentou a palestrante.

O presidente da comissão, Marlon Latorraca, destaca a importância do tema e convida toda a advocacia para participar do evento. “É um tema muito importante para quem atua na área e que impacta diretamente na via dos cidadãos que convivem na cidade. É um debate atual e que suscita ainda muitas dúvidas, por isso espero que todos participem e contribuam com a discussão”, concluiu o presidente.

 

PARA INSCRIÇÕES E MAIS INFORMAÇÕES, CLIQUE AQUI

 

--

Mel Mendes

 


Facebook Facebook Messenger Google+ LinkedIn Telegram Twitter WhatsApp